domingo, 2 de novembro de 2008

Vitória com gosto de derrota...a culpa é do ímpar!



Assim foi o domingo em Interlagos: Massa bem que tentou, Vetel quis contribuir, mas o santo de Hamilton foi mais forte (ou mais rápido). Porém não quero culpar o protetor do inglês, já que o cara mostrou que merece ser o primeiro negro a ganhar o título mundial de Fórmula 1. Prefiro culpar a numerologia!
Veja só, a culpa do azar brasileiro está nos números ímpares:
15: posição que Rubinho Barrichello largou e terminou a corrida;
11: posição que Nelsinho Piquet largou;
1: posição que Massa largou e terminou a corrida;
1: número da volta que Piquet abandonou a prova (esse tem o santo muito carregado, precisa se benzer!)
1: o tanto de pontos que faltou para o Massa levar o título!!!!
Para completar, Hamilton chegou em quinto lugar por causa da "mão mole" do alemão Glock (cujo sobrenome tem 5 letras)!
Quem sabe agora o Massa não coloca mais um A no seu sobrenome (que tem 5 letras) ao invés de usar a mesma cueca do treino classificatório?! É mais higiênico, pelo menos...

2 comentários:

laís bellini disse...

coca... deus me livreee... não quero mais ímpares na minha vida...
ahhhh... ontem a corrida foi sensacional!

Renato Diniz disse...

1: número de voltas que faltavam com Glock na frente de Hamilton


mas na verdade o problema é o número 2...

2 é o número do Massa
22 é o número do Hamilton
12 é o número do Glock
2 vitórias do Massa no Brasil
2 foi a posição do Massa no campeonato.